Blog de Opinião de HENRIQUE DIAS PEDRO; Normalmente às 3ªs. feiras
Terça-feira, 25 de Setembro de 2007
O Debate

Estamos a três dias das “Directas”.

Admito a excepção, mas considero que a maioria dos militantes social democratas terá já a sua opinião formada quanto ao seu sentido de voto no dia 28.

Por mim está claro.

Há já algum tempo que as dúvidas se dissiparam.

O meu voto vai ser Marques Mendes.

Razões de fundo?

Apenas uma, e para mim especialmente relevante.

Não que não reconheça em Menezes qualidades para assumir a liderança do Partido.

Mas atravessar o período político recente, cheio de dificuldades, tentando desbravar caminho pela oposição à maioria, mas também quanto à oposição interna, confere a Mendes o reconhecimento da coragem que nem todos teriam para assumir o leme em tão difícil tempo político.

E verdade seja dita, pouco que tenha sido, algum trabalho de fundo tem sido realizado na oposição.

O caso “Ota” será provavelmente um dos melhores exemplos.

E ainda sou daqueles que pensam que a “ingratidão” é uma das piores coisas que pode haver na vida e também na política.

Tenho aqui referido ao longo das últimas semanas aquilo que me parece ser o cariz algo incerto que o futuro reserva ao Partido, seja qual for o resultado do próximo dia 28.

Uma coisa, porém, me parece segura:

Foi Mendes quem assumiu o ingrato papel no Congresso de Pombal.

É ele que deverá responder perante os militantes quanto ao  ressurgimento do Partido.

E isso só se saberá em 2009.

Uma alteração de liderança agora, desresponsabilizaria o novo líder de um hipotético mau resultado nas próximas legislativas.

Não me parece que o PSD possa perder mais tempo com “guerrilhas internas” que às vezes mais parecem amuos pueris.

O debate do passado dia 18 foi, quanto a mim elucidativo.

Escasseiam ideias onde sobra a arrogância e alguma falta de decoro.

E é triste ver, em público, dois candidatos à liderança do Partido aceitarem e fazerem um debate como se fossem de Partidos diferentes.

Se calhar, e pensando bem, estiveram de facto ali, de modo virtual, representados dois diferentes Partidos.

Por mim, e por agora, prefiro continuar a optar pelo Partido que conheço, pois não me parece ser este o momento para apostar no desconhecido.

Provavelmente tempos virão em que o espectro partidário sofrerá algumas modificações.

O Partido que conheço continua, a meu ver, e face aos candidatos em presença, a ter Marques Mendes como mais fidedigno representante.

Em todo o caso respeite-se a vontade da maioria.

Qualquer que seja o resultado continuo a pensar que o PSD é possível e necessário.

Importaria muito que não se repetisse o cenário interno dos dois ultimos anos.

Receio que esta pretensão seja algo ingénua.

A ver vamos…

 

Henrique Dias Pedro

 



publicado por H.Dias Pedro hdp às 00:03
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De jjsn a 25 de Setembro de 2007 às 19:48
Não te sabia bloguista. Onde páras?
S N - Cantanhede


Comentar post

BLOGS A VISITAR: Siga LINKS abaixo: ABORDAGENS (Diário); O TRIPÉ-FÁBULAS (2ªs.feiras); CONCRETO E IMAGINÁRIO (Seman.Sol - 5ªs.feiras); TODOS AO BANHO (Humorístico);
pesquisar
 
posts recentes

PORTUGAL, SERIEDADE, DEMO...

arquivos

Maio 2008

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds